Siga nossas redes

Mundo

Bombardeio russo atinge um edifício do Comitê Internacional da Cruz Vermelha em Mariupol

Published

on

O secretária de Direitos Humanos da Ucrânia, Liudmila Denisova, informou, na manhã desta quarta-feira (30/03/2022), que um bombardeio russo atingiu um edifício do Comitê Internacional da Cruz Vermelha em Mariupol, no leste do país. Segundo ela, ainda não há informações sobre vítimas ou quantas pessoas estariam no edifício no momento do ataque.

A cidade portuária vem sendo alvo de intensos bombardeios conforme o avanço das tropas russas no país. Em pronunciamento no início da semana, o prefeito da cidade, Vadim Boichenko, afirmou que quase 5 mil pessoas, incluindo 210 crianças, foram mortas e mais de 90% dos prédios foram danificados. Destes, 40% foram destruídos, incluindo hospitais, escolas, creches e fábricas.

De acordo com especialistas, a operação russa em Mariupol é estratégica, uma vez que, caso os russos ocupem totalmente o município, o exército poderia conectar por terra a Crimeia, anexada por Moscou em 2014, com as regiões separatistas de Donbas. O cenário, segundo eles, seria uma importante passagem de suprimentos e liberaria um grande número de soldados para participar dos conflitos em outras partes da Ucrânia.

Mais cedo, em Lysychansk, equipes de socorro registraram um outro ataque a áreas residenciais. Um prédio de cinco andares foi atingido e cerca de cinco pessoas foram resgatadas. Os agentes confirmam, no entanto, que ainda há moradores debaixo dos escombros. Uma pessoa não resistiu.

Contato da redação ou setor comercial:

Envie Email para: contato@sessaodenoticias.com.br ou clique aqui.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Click para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As mais lidas