Siga nossas redes

Política

Senado aprova projeto que libera o aluguel de todo tempo da programação da rádio e TV para produto independente

Published

on

O Senado aprovou, nesta terça-feira (21/06/2022), um projeto de lei que permite às emissoras de rádio e televisão transferir, comercializar ou ceder o tempo total de sua programação para produções independentes.

A votação ocorreu de forma simbólica, em que os parlamentares não precisam registrar o voto. Já aprovado pela Câmara, o projeto vai à sanção do presidente Jair Bolsonaro.

O objetivo do texto é evitar novas judicializações devido à prática. Em ações recentes movidas pelo Ministério Público Federal, emissoras foram condenadas pela Justiça Federal a comercializarem no máximo 25% do tempo total da grade a terceiros, como igrejas. Com o projeto, o limite deixa de existir.

A proposta prevê que os veículos de mídia devem respeitar apenas as regras de limitação de publicidade comercial. Segundo a regra, a programação deve obedecer a finalidades “educativas e culturais”, e a publicidade só pode ocupar 25% do tempo total da programação.

No entanto, o projeto muda a definição de publicidade comercial, que passa a se restringir a produtos e serviços para os consumidores e à promoção de empresas. Dessa forma, ficam excluídas propagandas institucionais e publicidade oficial.

O texto insere todas as alterações no Código Brasileiro de Telecomunicações, de 1962.

A aprovação da matéria atende a pedidos sobretudo de igrejas e entidades religiosas, responsáveis pela maior parte das produções independentes veiculadas nas emissoras de TV aberta do país. O relator, senador Vanderlan Cardoso (PSD-GO), é ligado à bancada evangélica, assim como o autor do projeto, o deputado Alex Santana (Republicanos-BA), e os relatores na Câmara.

*Informações do site O Tempo

Contato da redação ou setor comercial:

Envie Email para: contato@sessaodenoticias.com.br ou clique aqui.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Click para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As mais lidas