Connect with us

Esportes

Com direito a cavadinha de Messi, PSG vira a virada do RB Leigzig pela Champions League

Published

on

O PSG engatou a segunda vitória seguida no Grupo A da Liga dos Campeões, e foi em grande estilo. Nesta terça-feira (19/10/2021), em partida o time de Mauricio Pochettino venceu o RB Leipzig por 3 a 2, com gols de Mbappé e Messi (2x), em jogo emocionante que teve duas viradas – André Silva e Mukiele anotaram os tentos dos visitantes. A equipe francesa se isolou na liderança do grupo.

Os comandados de Mauricio Pochettino chegaram a sete pontos no Grupo A. Quem está na segunda posição da chave é o Manchester City, que um um pouco mais cedo goleou o Brugge por 5 a 1. O próximo compromisso do PSG na Liga dos Campeões será também diante do RB Leipzig, na Alemanha. A equipe de Jesse Marsch está na lanterna do grupo.

O jogo

A partida começou com pressão do time da casa. Mbappé tentou levar perigo em jogadas individuais logo nos primeiros minutos, mas estava isolado no setor ofensivo. Porém, quem conseguiu atacar primeiro foi o RB Leipzig. Nkunku puxou contragolpe e serviu Laimer, que bateu fraco de esquerda, sendo travado por Marquinhos e Navas. Intenso, o jogo teve mais duas chances nos minutos seguintes: Ander Herrera aproveitou cruzamento de Draxler e finalizou para fora; na sequência, André Silva cabeceou e Navas espalmou para o lado e, no mesmo lance, o camisa 1 ainda defendeu chute cruzado de Laimer

Aos oito, o Paris Saint-Germain recuperou a bola na defesa e ligou um rápido contra-ataque, com Draxler servindo Mbappé. O camisa 7 foi para cima de Orbán, ajeitou para o pé direito e bateu firme, rasteiro, sem chance para Gulácsi. Em vantagem no placar, os comandados de Pochettino diminuíram o ritmo da partida, mantendo a posse da bola, esfriando o ímpeto do clube alemão. A equipe de Jesse Marsch começou a incomodar a partir da metade do primeiro tempo. André Silva foi servido na área e acertou a trave de Navas. Aos 27 minutos, a nova tentativa dos alemães foi fatal: Angeliño deu grande assistência para o atacante português, que não desperdiçou a nova oportunidade.

O empate não embalou o PSG na partida. O Paris seguiu com a bola, mas encontrou dificuldade para furar a defesa do RB Leipzig, posicionado com bem próximas, sem dar espaço para a equipe de Pochettino. Os alemães esperavam um erro do time da casa para acelerar em contragolpes. Aos 41, Nkunku foi lançado na entrada da área. O atacante deixou Kimpembe na saudade e bateu à direita da meta de Keylor Navas. O duelo terminou em igualdade no primeiro tempo.

A segunda etapa começou com equilíbrio. Bastante organizado, o time de Jesse Marsch ditou o ritmo dos primeiros minutos do segundo tempo, mesmo sem ter a bola. A posse da equipe de Pochettino nos instantes iniciais não representava perigo para o RB Leipzig, que esperou apenas por uma bola para conseguir a virada. Aos 11 minutos, Angeliño surgiu pela ponta e novamente fez uma grande assistência, desta vez para Mukiele, que estufou as redes de Navas. A desvantagem no placar fez o comandante do PSG realizar duas mexidas de uma vez: Danilo Pereira e Wijnaldum entraram no lugar de Ander Herrera e Gueye – no time visitante, Moriba substituiu Haidara.

E não demorou muito para o Paris Saint-Germain conseguir o empate. Pressionando bastante no campo de ataque, o time francês aproveitou um recuou ruim do Leipzig. A bola ficou com Mbappé, que serviu Messi e viu o argentino completar para as redes. A igualdade no placar mudou o panorama da partida. Aos 27 minutos, Mbappé partiu para cima de Simakan e foi derrotado na área pelo defensor. Na cobrança de pênalti, Messi marcou o terceiro dos franceses com uma linda cavadinha, deixando Gulácsi sem chão no canto direito do gol.

Jesse Marsch partiu para o desespero e promoveu a entrada de Poulsen e Forsberg nos minutos finais. Sem conseguir encaixar uma jogada, os alemães apelaram para jogadas aéreas, sem sucesso. Ainda houve tempo para mais um pênalti na partida, sofrido por Hakimi. Mbappé bateu por cima do gol de Gulácsi e não conseguiu o quarto gol do PSG, que garantiu a segunda vitória seguida na Liga dos Campeões.

*Informações do site SBT Sports

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As mais lidas