Lula ganha força no meio artístico e já tem apoio de uma legião de famosos; Veja

Faltando menos de três meses para o primeiro turno das eleições presidenciais, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) já coleciona apoios de simpatizantes e declarações de voto no meio artístico. O líder petista terá o presidente Jair Bolsonaro (PL), que tenta a reeleição, como principal oponente nas urnas, além de Ciro Gomes (PDT).

A declaração de apoio que mais repercutiu recentemente foi o da cantora Anitta. Embora não seja simpatizante do partido, a artista, que tem uma difícil relação com Bolsonaro e trava diversos embates nas redes sociais, disse que vai fazer campanha para que o ex-presidente seja eleito no pleito de outubro.

Carlinhos Brown

O apoio de Carlinhos Brown a Lula surgiu após um episódio inusitado: um vídeo em que o cantor interrompe um coro anti-Bolsonaro, durante um show que aconteceu no final do último ano. Após ser acusado de ser simpatizante do atual chefe do Planalto, Brown publicou uma foto em que aparece olhando para um retrato da vereadora Marielle Franco, morta em 2018, e declarou apoio a Lula.

“Para quem ainda tem dúvidas. Respeito os meus, eu quero Lula”, escreveu Brown nas redes sociais.

Deolane Bezerra

A advogada, que ficou famosa após a morte de MC Kevin, em 2021, é uma das principais apoiadoras do ex-presidente. A influencer chegou a encontrar Lula recentemente, e reforçou estar “fechada” com o petista. “Tô fechada com você e não abro mão […] A luta não pode parar. Um dia inesquecível onde relembramos nossos momentos de extrema pobreza e de lutas! Eu tenho esperança de um Brasil melhor!”, disse na ocasião.

Caetano Veloso

Entusiasta do também candidato a presidente Ciro Gomes (PDT), Caetano decidiu mudar o voto em 2022. O ‘filho de Dona Canô’ declarou que vai votar no petista, com quem já teve desentendimentos no passado, e teve um encontro com Lula em maio.

Marcelo Serrado

O ator global não esconde que defendeu, no passado, o ex-juiz da operação Lava Jato, Sergio Moro, responsável pela condenação de Lula. Entretanto, desde 2018, Serrado tem se aproximado de lideranças petistas; ele declarou voto em Fernando Haddad contra Jair Bolsonaro no segundo turno. Em dezembro de 2021, Marcelo Serrado confirmou que vai votar em Lula. “Minha 1, 2, 3 via é Lula!”, declarou.

Gilberto Gil 

O cantor Gilberto Gil, ex-ministro da Cultura durante o primeiro mandato de Lula no Palácio do Planalto, também já declarou voto publicamente. Sua filha, a chef de cozinha Bela Gil, também é apoiadora do petista. Ambos estiveram no casamento de Lula e Janja, em maio deste ano.

Martinho da Vila e Mart’nália 

Pai e filha, os cantores Martinho da Vila e Mart’nália também são apoiadores do ex-presidente. Durante entrevista para Roda-Viva, da TV Cultura, Martinho da Vila não só declarou apoio a Lula, como também disse que estaria disposto a fazer campanha o “amigo”. “Se ele me pedir, eu faço [campanha], porque ele é meu amigo. Para os amigos eu faço tudo. Para os inimigos, nada”, disse cantor. A sambista, assim como o pai, participou da gravação do jingle do petista que será usado para o pleito deste ano.

Ludmilla 

A ‘Rainha da Favela’ declarou apoio a Lula em março, após encontrar o petista. Na ocasião, ela fez questão de mostrar sua simpatia e descartou neutralidade na disputa presidencial. “Vocês entendem que eu fui convidada a encontrar o ex-futuro presidente com a minha esposa e fomos super acolhidas, como se deve ser? Tanto por ele quanto pela futura primeira dama. É isso o que quero para mim e para os meus. E pra finalizar: neutro é shampoo, beijos!”, disse Ludmilla.

Fábio Porchat

O global é um simpatizante e defensor da candidatura do pedetista Ciro Gomes ao Palácio do Planalto. Mas, em entrevista recente a um podcast, Porchat disse que para tirar o presidente Bolsonaro, a quem se referiu como “verme”, ele seria capaz de votar em Lula e ainda fazer campanha para o petista nas ruas.

“Eu já declarei meu voto [antes]. Vou votar no Ciro Gomes (PDT). Gosto muito do Ciro, acho ele um ótimo candidato, muito preparado. Acho que a gente precisa parar um pouco de polarizar e tal”, disse Porchat. “Agora, se chegar agosto e o Ciro continuar com 7% [das intenções de voto, segundo as pesquisas] e o Lula puder ganhar no primeiro turno, para tirar esse animal, esse verme, esse câncer que está no poder, eu vou pintado de estrela vermelha, cantando ‘Lula lá’, voto apertando 13 trezentas vezes”, disparou Porchat.

Anitta

A cantora brasileira mais ouvida do mundo também ‘causou’ ao declarar, nas últimas semanas. A artista se pronunciou após a morte do tesoureiro do PT, Marcelo Arruda, assassinado por uma apoiador do presidente Jair Bolsonaro, e disse que o cenário fez com que ela, que não é simpatizante petista, se aproximasse de Lula.

“Não sou petista e nunca fui. Mas este ano estou com Lula e quem quiser minha ajuda pra fazer ele bombar aqui na Internet, tik tok, Twitter, instagram é só me pedir que estando ao meu alcance e não sendo contra lei eleitoral eu farei”, disse Anitta.

Felipe Neto

Um dos maiores youtubers do país, Felipe Neto foi um dos primeiros a declarar voto em Lula, ainda em 2021. Felipe, que foi durante muito tempo um crítico ferrenho do ex-presidente, usou o Twitter para descartar, diante do cenário atual, um apoio a um outro candidato, reforçando seu apoio a Lula.

“Não existe terceira via possível pra 2022 e quem não enxerga isso está completamente alucinado. E quanto mais se perde tempo debatendo isso, mais força vai pro Satanás 17″, escreveu na época.

Walter Casagrande 

Em entrevista para a revista Carta Capital, o ex-jogador de futebol e comentarista esportivo disse que vai votar em Lula e pontuou que acredita na vitória do petista ainda no primeiro turno. Casagrande também é crítico aberto do atual governo. “Vou votar no PT, vou votar no Lula. Gosto muito do Ciro, mas quem vai ganhar é o Lula, não é o Ciro. A coisa principal é tirar a família Bolsonaro, para a sobrevivência do país, da nação”, afirmou.

Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank

O casal de artistas apoia abertamente Lula. Bruno, inclusive, rompeu com seu irmão, o também ator Thiago Gagliasso, que é apoiador do presidente Jair Bolsonaro. O galã chegou a falar, em entrevista para um podcast, que comprou dezenas de toalhas com o rosto de Lula para presentear amigos.

Ex-BBBs

O universo dos ex-participantes do Big Brother Brasil tem uma grande quantidade de apoiadores do ex-presidente Lula. A ‘panelinha’ petista é composto por ‘brothers’ e ‘sisters’ ilustres, como Gleici, vencedora do BBB 18, Thelma, vencedora do BBB 20, e Juliette, vencedora em 2021. Outros participantes, como Arthur Picoli, Pocah, Manu Gavassi, Gil do Vigor e Marcelo Dourado, também já deixaram claro que votarão no petista contra Jair Bolsonaro.

A lista de apoiadores de Lula no mundo dos famosos ainda é extensa e conta com os seguintes nomes: Luísa Sonza
Pablo Vittar, Duda Beat, Dira Paes, Camila Pitanga, Herson Capri, Jonas Bloch, Chico César, Maria Rita, Diogo Nogueira, Teresa Cristina, Juninho Pernambucano, Paulinho da Viola, Marina Sena, Iza, Jau, Mano Brown, Zeca Pagodinho, Chico Buarque de Hollanda, Enrique Diaz, Chico Diaz, Mariana Lima, Marina Lima, Letícia Sabatella e Daniel Dantas.

 

Via: Varela Net

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Related Posts