Políticos e personalidades repercute a morte de Lázaro nas redes sociais

Segundo o site Correio Braziliense, a prisão e morte do foragido Lázaro Barbosa na manhã desta segunda-feira (28/06/2021) repercutiu em todo o país. Nas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) comentou a ação da polícia goiana com uma frase “Lázaro: CPF cancelado”, escreveu. Logo em seguida o mandatário voltou a se pronunciar pelo Twitter parabenizando os agentes envolvidos na megaoperação. “O Brasil agradece! Menos um para amedrontar as famílias de bem”, declarou.

Outros membros do governo seguiram a mesma linha do presidente nos comentários do caso. Um dos exemplos é o presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo. “Lázaro já está no Inferno (…) vidas bandidas não importam”, escreveu também pelo microblog. Em seguida recomendou que a “esquerda faça um filme glorificando Lázaro”.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Comments (0)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *