Com novo partido, o grupo de ACM Neto assedia deputados que é da base de Rui com garantia de reeleição em 2022

Com a criação do novo partido, o grupo do ex-prefeito ACM Neto, candidato a governador em 2022, conseguiu um bom argumento para passar a assediar os deputados da base do governador Rui Costa, do PT, cuja sigla vai lançar para a sucessão estadual o senador Jaques Wagner. Deputados governistas relataram ao Política Livre estarem sendo convidados para ingressar na nova legenda – fusão entre o DEM e o PSL – com a promessa de mais facilidade de se eleger em troca, naturalmente, de apoio à candidatura de Neto. Diante da pressão de aliados para que amplie as viagens ao interior do estado, o senador Jaques Wagner declarou em entrevista ao jornal Tribuna da Bahia que pretende iniciar as viagens “na hora certa”. Os aliados mostram preocupação com a ausência do senador em localidades da Bahia, sobretudo, porque Neto tem visitado constantemente o interior.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Related Posts