Siga nossas redes

coronavírus

Reta final dos trabalhos: CPI mira em denúncias da Prevent Senior

Published

on

Na reta final dos trabalhos, a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia mira em aprofundar as denúncias que envolvem a Prevent Senior, operadora de saúde que utilizou remédios sem eficácia comprovada para tratar pacientes com covid-19 e fez testes com cloroquina sem consentimento de quem a recebeu, segundo denúncias de médicos que atuavam no grupo.

A advogada desses profissionais da saúde, Bruna Morato, será a primeira a depor na semana. Com oitiva marcada para terça-feira (28/09/2021), ela deve ser questionada sobre o dossiê produzido por médicos que trabalham, ou trabalhavam, para a Prevent.

Os documentos enviados pelo grupo apontam uma série de irregularidades por parte da operadora de saúde. Além do tratamento com cloroquina, os médicos afirmaram que registros de causas de morte foram alterados para manipular supostos testes do medicamento.

Segundo o Portal SBT News, na quarta-feira (29/09/2021) o depoimento marcado é do empresário Luciano Hang. Ele é acusado de fazer parte do chamado “gabinete paralelo”, um grupo que auxiliava o presidente Jair Bolsonaro a tratar temas relacionados à covid-19. Hang também foi citado em depoimento sobre a Prevent Senior. A mãe dele, Regina Hang, recebeu tratamento em um hospital que pertence à operadora de saúde, e morreu em decorrência do coronavírus aos 82 anos.

Registros hospitalares apresentados à CPI apontam que Regina recebeu diferentes tratamentos para a covid-19, incluindo remédios do chamado “kit covid”. O empresário divulgou, no entanto, que se arrependia de não ter fornecido o tratamento precoce para a mãe, fazendo campanha em defesa da cloroquina e outros remédios. Segundo as denúncias, Regina também teve a declaração de óbito fraudada.

Os demais depoimentos da comissão durante a semana ainda não estão definidos, assim como a data de encerramento das investigações da CPI. Senadores negociam o prazo final de entrega do relatório.

Sigam as redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Click para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As mais lidas