Jornalista do SBT é barrada na entrada do Planalto por causa de traje

A jornalista Nathalia Fruet, repórter do SBT no Palácio do Planalto, foi barrada por seguranças do Gabinete de Segurança Institucional no início da tarde desta segunda-feira (20/09/2021) ao voltar do refeitório no anexo do prédio por causa da roupa que usava.

A repórter estava com uma bermuda de alfaiataria, um traje social previsto para as mulheres, mas foi informada por um dos seguranças que não poderia voltar ao comitê de imprensa onde estavam os objetos pessoais dela. Para voltar à sala de imprensa, a repórter foi acompanhada por um integrante do GSI que esperou a jornalista pegar a bolsa e deixar o Planalto para ir em casa trocar de roupa.

O GSI encaminhou ao SBT a norma interna editada em junho do ano passado pelo Planalto, que prevê as regras de vestimenta para circular nas dependências do prédio público. O documento com seis páginas prevê que serão admitidas no prédio do Palácio do Planalto mulheres que usam saia ou calça com blazer,  mas não cita a proibição de bermudas de alfaiataria. A norma proíbe a entrada no Planalto de pessoas com boné, chapéus ou similares que dificultem a identificação.

Sigam as redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Total
11
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Related Posts