Connect with us

Mundo

Frente Nacional de Resistência do Afeganistão diz que segue lutando contra os Talibãs na província de Panjshir

Published

on

O líder da Frente Nacional de Resistência, Ahmad Massoud, disse nesta segunda-feira (06/09/2021) que o grupo segue presente na província de Panjshir, no norte do Afeganistão, lutando contra os talibãs, depois que o grupo fundamentalista anunciou a conquista da região.
Por meio de áudio que foi veiculado nos perfis dos oposicionistas no Facebook e no Twitter, Massoud garantiu que as forças da resistência seguem mantendo posições estratégicas em Panjshir, de acordo com informações veiculadas pelo serviço de notícias afegão “Tolo”.

“Onde queira que estiverem, tanto dentro, como fora do país, pedimos que vocês levantem em resistência, pela dignidade, integridade e liberdade do nosso país”, disse na mensagem o líder da Frente Nacional de Resistência.

Segundo o site UOL Notícias, Massoud ainda garantiu que a organização oposicionista estará junto com “aqueles que decidam pegar em armas” contra os talibãs.

O líder da resistência ainda fez acusações contra a comunidade internacional, de ser “completamente responsável” por facilitar a tomada de poder do grupo fundamentalista, a partir da saída das tropas de Estados Unidos e Otan do Afeganistão.

A Frente Nacional de Resistência, que atua em Panjshiré tem entre os líderes o ex-presidente afegão, Amrullah Saleh, que havia se autoproclamado o novo chefe de governo do país, com a fuga de Ashraf Ghani, ocorrida após a tomada de Cabul.

Além disso, comanda das forças de oposição, Ahmad Massoud, filho do antigo comandante do Exército do Afeganistão, Ahmad Shah Massoud, o “Leão de Pansjhir”, que ganhou notoriedade ao enfrentar soviéticos e talibãs na região.

Mais cedo, os talibãs anunciaram nesta segunda-feira (06) da única das 34 províncias do país que não estavam nas mãos do grupo após dias de intensos combates.

O porta-voz do grupo Zabihullah Mujahid ainda afirmou que, com a vitória em Panjshir, o país deixa o período de guerra e agora busca partir para um período de “liberdade, independência e prosperidade”.

Outro representante dos talibãs, Bilal Karimi, afirmou à Agência Efe que os combatentes do grupo estão deixando a província, enquanto o “inimigo se esconde nas montanhas” da província, em referência aos integrantes remanescentes do efetivo da resistência.

Sigam as redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As mais lidas