TSE condena Bolsonaro e o torna inelegível por oito anos

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) condenou, nesta sexta-feira (30), o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e o tornou inelegível pelos próximos oito anos. Com placar de cinco votos a dois, a maioria da Corte entendeu que Bolsonaro cometeu abuso de poder político e uso indevido dos meios de comunicação.

O julgamento começou no dia 22 de junho e terminou na quarta sessão. O vice na chapa de Bolsonaro, Walter Braga Netto, que também estava sob julgamento, foi absolvido por unanimidade.

O processo foi aberto pelo PDT, devido à reunião realizada com os embaixadores no Palácio da Alvorada, em julho de 2022. No episódio, transmitido ao vivo, Bolsonaro fez ataques às urnas eletrônicas e levantou dúvidas sobre o sistema eleitoral brasileiro.

Veja como votaram os ministros:

  • Benedito Gonçalves, relator: pela condenação
  • Raul Araújo: pela absolvição
  • Floriano de Azevedo Marques: pela condenação
  • André Ramos Tavares: pela condenação
  • Cármen Lúcia: pela condenação
  • Nunes Marques: pela absolvição
  • Alexandre de Moraes: pela condenação
Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts