TRF-4 revoga a prisão de Eduardo Cunha

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) revogou nesta quarta-feira (28/04/2021) a prisão do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha. Com a decisão, o ex-deputado, que cumpria prisão em regime domiciliar, poderá deixar de usar tornozeleira eletrônica, mas seu passaporte seguirá retido.

Apesar da decisão do TRF-4 desta quarta-feira, o ex-deputado seguirá preso, devido a outro pedido de prisão preventiva contra ele, da operação “Sepsis”, que apura desvios na Caixa Econômica Federal.

A decisão de revogar a prisão preventiva do ex-deputado, que foi unânime no tribunal, atendeu a um pedido de habeas corpus impetrado pela defesa de Cunha.

Comments (0)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: