Senado aprova Dino para o STF e Gonet para a PGR

O plenário do Senado Federal aprovou na noite de quarta-feira (13) as indicações de Flávio Dino para o Supremo Tribunal Federal (STF) e de Paulo Gonet para a Procuradoria Geral da República (PGR). Os indicados passaram por uma sabatina de quase 10h na mesma data antes da aprovação.

Durante a sabatina, o atual ministro da Justiça foi questionado sobre sua atuação durante os eventos golpistas em 8 de janeiro, a descriminalização do aborto e a regulação das redes sociais. Durante a análise de Gonet, ele abordou um artigo sobre cotas raciais e também destacou que não é contrário a cotas raciais, mas que as ações afirmativas precisam ter um prazo definido.

Na votação do plenário, que foi secreta, Dino obteve 47 votos a favor e 31 contra, enquanto Paulo Gonet recebeu 65 votos a favor e 11 contra. Seus nomes foram indicados pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em 27 de novembro.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts