SBT divulga nota de pesar pela morte do diretor de novelas Reynaldo Boury

Um dos pioneiros da televisão brasileira, que deixa sua marca de sucesso e talento na história da teledramaturgia, Reynaldo Boury, faleceu neste último domingo de Natal, dia 25 de Dezembro de 2022, aos 90 anos, em decorrência de um choque séptico. Ele estava internado no Hospital Albert Einstein.

No SBT, Boury foi responsável pela direção-geral de teledramaturgia na última década, tendo iniciado sua trajetória na emissora em 2011 com Amor e Revolução, de Tiago Santiago, e, no ano seguinte, coordenado uma grande inovação na emissora ao dirigir novelas infanto-juvenis escritas por Iris Abravanel para toda a família com os grandes sucessos de Carrossel, Chiquititas, Cúmplices de Um Resgate, Carinha de Anjo (na supervisão-geral) e As Aventuras de Poliana. Em Poliana Moça, atuou como conselheiro do departamento, visto que sua experiência e tarimba eram sempre respeitadas e admiradas pela equipe.

Reynaldo Boury iniciou sua carreira junto com a TV brasileira, desempenhando funções técnicas como caboman, operador de câmera, até chegar a ser diretor de imagens na extinta TV Tupi. A partir de 1960, transfere-se para a TV Excelsior, onde inicia sua brilhante trajetória na direção de telenovelas, tendo sido responsável por, dentre outras, as novelas Redenção e a primeira versão de Sangue do Meu Sangue. Com o incêndio da emissora em 1970, Boury ajudou a retirar equipamentos de dentro da sede da Vila Guilherme, na tentativa junto com os colegas de empresa, de salvar a estação, para que continuassem a trabalhar, mas a crise financeira logo tirou a emissora do ar.

Em 1970 transfere-se para a TV Globo onde dirigiu grandes sucessos que marcaram a dramaturgia, seja como assistente de direção, como em Irmãos Coragem e Selva de Pedra, e posteriormente como diretor-geral de Sinhá Moça, Tieta e Meu Bem Meu Mal.

Reynaldo Boury formou uma família dentro e fora da TV, tendo seus filhos Alexandre Boury também na direção de novelas, e Margareth Boury na autoria. O neto Guilherme Boury destaca-se como ator, tendo feito inúmeros trabalhos em várias emissoras.

“O SBT se entristece com a perda do grande diretor e querido colega de trabalho e amigo, deseja que Deus conforte sua família neste momento, e tem certeza que seus trabalhos serão sempre lembrados com grande afetividade por todo o público brasileiro que acompanha desde sempre as novelas dirigidas por ele”, diz nota da emissora.

Contato da redação ou setor comercial:

Envie Email para:   contato@sessaodenoticias.com.br ou clique   aqui  .

Siga nossas redes sociais:

Facebook   (@sessaodenoticias)

Instagram   (@sessaodenoticias)

Twitter   (@sessaonoticias)

Youtube   (Sessão de Notícias)

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts