Presidente em exercício, Hamilton Mourão faz pronunciamento em defesa da democracia e desestimulou atos antidemocráticos

O atual presidente em exercício, Hamilton Mourão, saiu em defesa da democracia e desestimulou atos antidemocráticos contra o resultado das eleições. Em pronunciamento oficial divulgado em redes de televisão e rádio neste sábado (31/12/2022), o militar disse, se direcionando a apoiadores, que a “alternância de poder em uma democracia é saudável e deve ser respeitada”. Ele também afirmou que o atual governo entrega um país com contas públicas equilibradas.

Pela viagem de Bolsonaro aos Estados Unidos, iniciada dois dias antes da posse, o vice-presidente assumiu o posto de presidente em exercício. Ele estará no cargo durante a troca de governo, o que reforça a expectativa de que ele passe a faixa presidencial para o eleito, Luiz Inácio Lula da Silva. A confirmação oficial sobre ele realizar o ato simbólico, no entanto, ainda não foi divulgada pelo Palácio do Planalto.

Mourão criticou “o silêncio” de “lideranças”, sem citar nomes, ao falar sobre o clima de tensão no Brasil. Afirmou que as Forças Armadas “pagaram a conta”.

“Lideranças que deveriam tranquilizar e unir a nação em torno de um projeto de país deixaram que o silêncio ou o protagonismo inoportuno e deletério criasse um clima de caos e de desasgregação social. E de forma irresponsável deixasse que as Forças Armadas de todos os brasileiros pagassem a conta. Para alguns, por inação, e para outros por fomentar um pretenso golpe”, Hamilton Mourão, presidente em exercício.

Eleito senador pelo Republicanos, do Rio Grande do Sul, Mourão assumiu como presidente na 6ª feira (30.dez). Na fala em rede nacional de mais de 7 minutos, ele mandou um recado aos apoiadores do presidente, Jair Bolsonaro (PL), que estão acampados na frente dos quartéis desde a derrota nas urnas, em 31 de outubro.

“Tranquilize-mos. Retornemos à normalidade da vida, aos nossos afazeres, e ao concerto de nossos lares, com fé, e com a certeza de que nossos representantes eleitos farão dura oposição ao projeto progressista do governo de turno sem, contudo, promover oposição ao Brasil.”

Mourão falou em oposição ao governo eleito de Lula, sem excessos.

 

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts