Presidente da CPI da pandemia encerra sessão e diz que convocará Ricardo Barros

O presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia, Omar Aziz (PSD-AM), encerrou a sessão desta quinta-feira (12/08/2021), por volta das 15h, e disse que o colegiado vai convocar o líder do governo, Ricardo Barros (PP-PR), para prestar o novo depoimento. A reunião de hoje foi suspensa após o deputado dizer que a comissão atrapalhou o país na aquisição de vacinas.

“Se hoje o Brasil está vacinando, foi porque negacionistas, inclusive o deputado que está aqui do meu lado que disse que não ia se vacinar. Aliás, pregava a imunização de rebanho para criança, que é crime. Então eu quero colocar bem claro para a população: se hoje estamos vacinando, e se estamos vacinando com uma vacina que está chegando a um preço justo é graças à CPI”, afirmou.

A data para o novo depoimento, no entanto, ainda não foi marcada. Barros foi à CPI nesta quinta-feira (12) como convidado em vez de convocado, a pedido do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL). Antes de encerrar, Aziz acatou a questão de ordem de Alessandro Vieira (Cidadania-SE), que pediu à CPI para consultar o Supremo Tribunal Federal (STF) sobre quais medidas poderiam ser adotadas em relação às declarações de Barros.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Comments (0)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *