Porta voz Chinês diz que: “Independência de Taiwan e a paz no Estreio e entorno da ilha são incompatíveis”

O porta-voz do ministério dos Negócios Estrangeiros da China, Wang Wenbin, disse, nesta segunda-feira (10/04/2023), que a independência de Taiwan e a paz no Estreio ao entorno da ilha são incompatíveis. O diplomata voltou a afirmar que a questão de Taipé é um “assunto puramente interno da China” e que o Ocidente deve respeitar isso.

A declaração acontece após Pequim enviar uma série de aviões e navios militares à Taiwan, bem como tropas terrestres, em um exercício de grande escala. A ação foi uma resposta à viagem da presidente de Taiwan, Tsai Ing-wen, aos Estados Unidos, onde a mandatária se encontrou com o presidente da Câmara norte-americana, Kevin McCarthy.

Em justificativa, Wenbin disse que a maior ameaça à paz em Taiwan são as atividades separatistas e o conluio com forças estrangeiras, uma vez que os países devem respeitar a política de “uma só China”. “As manobras são um sério aviso para as forças separatistas taiwanesas e são necessárias para proteger a soberania nacional”, disse.

O ministério da Defesa de Taiwan condenou as manobras da China, descrevendo-as como “ato irracional” que põe em risco a segurança e a estabilidade regional. O mesmo foi afirmado por Washington, que, apesar de não contestar a reivindicação de Taiwan por Pequim, já garantiu apoio de defesa à ilha em caso de uma invasão chinesa.

Contato da redação ou setor comercial:

Envie E-mail para: contato@sessaodenoticias.com.br ou clique aqui.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

TikTok (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts