Siga nossas redes

Esportes

Palmeiras vence Athlético/PR e é campeão da Recopa Sul-Americana 2022

Published

on

Palmeiras venceu o Athletico-PR por 2 a 0 e conquistou a Recopa Sul-Americana. No duelo da noite desta quarta-feira (02/03/2022), no Allianz Parque, Zé Rafael abriu o placar em cobrança de falta, e Danilo fechou a conta já nos minutos finais.

O confronto de ida havia terminado com o placar de 2 a 2 na semana passada, na Arena da Baixada. Por isso, logo após Danilo fazer 2 a 0 aos 42 minutos da etapa final, a torcida alviverde começou a cantar “é campeão” e “olé” durante as trocas de passes da equipe.

Atual campeão da Libertadores, o Palmeiras aumenta sua galeria de títulos internacionais. O Athletico-PR, por sua vez, é o atual campeão da Copa Sul-Americana e não conseguiu levantar o troféu no Allianz Parque.

Jogo

O técnico Abel Ferreira surpreendeu ao escalar Gabriel Veron ao lado de Dudu e Rony no ataque do Palmeiras. O trio tinha muita velocidade, mas esbarrava na defesa bem postada do Athletico-PR.

O primeiro tempo foi praticamente só de ataque do Palmeiras contra a defesa do Athletico-PR. A zaga do Furacão conseguia levar a melhor em quase todos os lances, e o goleiro Santos quase não foi exigido na etapa inicial.

No segundo tempo, logo aos quatro minutos, Zé Rafael cobrou falta com precisão, e Santos não conseguiu alcançar: 1 a 0 para o Palmeiras e explosão da torcida no Allianz Parque.

Após abrir o placar, o Verdão acumulou chances para ampliar. Rony acertou bonita bicicleta e viu Santos salvar o Athletico-PR, Wesley errou finalização, Danilo se atrapalhou dentro da área… E o jogo seguia vivo, com o Furacão podendo levar a disputa para os pênaltis se marcasse apenas um gol.

O técnico Alberto Valentim mudou jogadores do sistema ofensivo, e o Athletico-PR passou a atacar mais. O jogo, então, ficou bem mais aberto, com o Palmeiras tendo espaços para contra-atacar.

Foi num erro na saída de bola do Athletico-PR que o Palmeiras matou o jogo: aos 42, Atuesta roubou a bola e tocou rasteiro para trás para Danilo finalizar e marcar o segundo gol alviverde.

Abel Ferreira comemorou muito e irritou os integrantes do banco de reservas do Furacão. O técnico do Verdão, que já tinha recebido cartão amarelo, foi expulso.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Click para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As mais lidas