Morre aos 84 anos, o compositor, e humorista Juca Chaves

O cenário artístico brasileiro se despede de mais um dos seus grandes nomes. O compositor, músico e humorista Juca Chaves, morreu na noite deste sábado (25/03/2023) aos 84 anos. Ele estava internado no Hospital São Rafael, em Salvador, que informou que o artista faleceu devido à complicações de problemas respiratórios.

Juca Czaczkes Chaves nasceu no Rio de Janeiro, no dia 22 de outubro de 1938, e construiu a sua carreira utilizando a sátira como forma de ironizar políticos com o seu inigualável humor ácido coberto de críticas sociais. A sua personalidade artística o rendeu o apelido dado por Vinícios de Moraes que o acompanhou por toda a vida: o “Menestrel Maldito”.

Ávido por ironizar políticos em suas criações, Juca se orgulhava por ter satirizado todos os presidentes do Brasil, desde Juscelino Kubitschek. Durante o governo deste, quando tinha apenas 23 anos, ele compôs “Presidente Bossa Nova”, que colocava JK como um presidente sorridente, simpático e original, ao mesmo que criticava as suas diversas regalias. A música foi proibida pela censura, sendo veiculada publicamente depois de uma batalha judicial que durou sete anos.

A censura acompanhou o “Menestrel Maldito” durante a sua vida artística: na ditadura militar, que durou de 1964 a 1985, ele foi perseguido e teve que exilar por seis anos. Um dos países onde viveu foi Portugal, onde também foi expulso por satirizar o regime totalitário que os portugueses eram submetidos. Em 2015, no auge da Operação Lava Jato, o humorista voltou à cena com uma canção que criticava a situação política do Brasil e defendia as investigações.

O velório do compositor está ocorrendo desde às 14h30 deste domingo (26/03), no Cemitério Bosque da Paz, em Salvador. Seu corpo será cremado às 16 horas.

Contato da redação ou setor comercial:

Envie E-mail para: contato@sessaodenoticias.com.br ou clique aqui.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

TikTok (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts