Jogadores brasileiros deixam o Sudão uma semana após o início dos conflitos

Os jogadores e a comissão técnica do time de futebol Al-Merreikh deixaram a capital do Sudão neste domingo (23/04/2023). Além dos quatro atletas e cinco membros da comissão técnica do clube sudanês, uma funcionária da embaixada brasileira também faz parte do grupo de brasileiros que deixou a área bombardeada, depois de uma semana do início dos conflitos.

À princípio, todos seriam levados para uma cidade vizinha, onde não há registros de confrontos armados. No entanto, após entrarem no ônibus, o grupo descobriu que seguiriam com destino ao Egito. A previsão é de que a viagem dure pouco mais de um dia. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o confronto deixou cerca de 400 mortos e mais de 3,5 mil feridos.

Em áudio enviado para ao site SBT News, o jogador Paulo Sérgio disse que o veículo está lotado de estrangeiros e que o governo brasileiro não prestou nenhum suporte até o momento.

“Paramos em três barreiras, mas graças a Deus conseguimos passar. Dá um susto grande porque eles entram, olham o ônibus, mas não saquearam e não levaram nada.”

Questionado, o Itamaraty disse que estão sendo tomadas as providências possíveis visando viabilizar a retirada de todos os brasileiros com segurança e maior brevidade possível.

Contato da redação ou setor comercial:

Envie E-mail para: contato@sessaodenoticias.com.br ou clique aqui.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

TikTok (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts