Israel declara guerra a Gaza após ataques aéreos do Hamas

Israel foi bombardeado por cerca de 2.200 foguetes em um ataque surpresa coordenado pelo grupo militante palestino Hamas neste sábado (07/10/2023). Ao menos 40 pessoas morreram e 908 ficaram feridas.

De acordo com as Forças de Defesa de Israel (FDI), o ataque partiu da Faixa de Gaza. Mais cedo, o comandante militar do Hamas, Muhammad Al-Deif, divulgou uma mensagem gravada anunciando a operação “Tempestade Al-Aqsa”, onde diz que o grupo militante palestino “alvejou as posições inimigas, aeroportos e posições militares [de Israel]” com milhares de foguetes.

 

Confiram a transcrição completa da fala do premiê:

“Cidadãos de Israel, estamos em guerra. Não numa operação ou em conflito menor, mas em guerra. Esta manhã, o Hamas lançou um ataque surpresa assassino contra o Estado de Israel e os seus cidadãos. Estamos vivendo isso desde as primeiras horas da manhã. Convoquei os chefes das forças de segurança e ordenei, em primeiro lugar, a evacuação das comunidades que foram infiltradas por terroristas. Isso está sendo realizado nesse momento. Ao mesmo tempo, ordenei uma ampla mobilização de reservistas para que retaliemos com uma magnitude que o inimigo não conhecia. O Inimigo pagará um preço sem precedentes. Enquanto isso, apelo aos cidadãos de Israel para que cumpram estritamente as diretrizes das FDI e do Comando da Frente Interna. Estamos em guerra e vamos vencê-la”.

*Com informações do site CNN Brasil e Poder360

Contato da redação ou setor comercial:

Envie E-mail para: contato@sessaodenoticias.com.br ou clique aqui.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

TikTok (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaodnoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts