Siga nossas redes

Televisão

Hora do Faro sofre queda de faturamento

Published

on

Depois de tirar Walter Zagari do departamento comercial em dezembro do ano passado, a Record faturou pouco menos da metade do previsto para o mês de março, segundo o Portal NaTelinha com fontes do alto escalão da emissora. Os números obtidos pela reportagem apontam que ela conseguiu concluir apenas 48% da meta estipulada. Essa queda pode ser notada no programa do Rodrigo Faro, que já chegou a ter oito ações de merchandising e agora sofre para ter apenas um. A Record nega a informação e diz que faturou 18% a mais do que o mesmo período do ano passado.

O fato gerou um sinal de alerta na Record. Existe uma forte pressão para a nova equipe comercial reverter esse cenário desde já, principalmente com o embalo de realities no próximo mês. A expectativa é fazer com que o panorama se transforme com a ajuda da trinca Power Couple Brasil, Ilha Record e A Fazenda no horário nobre.

Pessoas ouvidas pelo Portal acreditam que os números aquém do esperado sejam fruto da concorrência da internet e do primeiro trimestre, quando geralmente as TVs apresentam um faturamento mais baixo. Algumas empresas vêm preferindo apostar no digital e em plataformas como o Google; em alguns casos, é possível performar melhor investindo uma quantia substancialmente inferior.

 

Falta de Merchans no Hora do Faro

O Hora do Faro, que vem tentando lançar novidades para retomar a vice-liderança no Ibope, teve apenas um merchandising – com depoimento – de uma clínica dentária nos últimos dois programas (10 e 17 de abril), já posteriores à final do Campeonato Paulista e Carioca e com quatro horas de duração.

As duas edições assistidas na íntegra pela reportagem denotam uma baixa de Faro no comercial. O apresentador já chegou a acumular oito ações por programa. Em março, a emissora diz que ele fez 16. Apresentadores do SBT, Celso Portiolli e Eliana, por exemplo, são campeões de merchandising e tem até filas de anunciantes.

Em nota, a Record nega as informações. “A meta de março de 2022 é 17% maior do que o mesmo período do ano anterior e ainda assim, superamos o objetivo em 1%”, diz Alarico Naves, superintendente comercial multiplataforma do Grupo.

Com relação ao Hora do Faro, o executivo utiliza outro recorte e afirma que foram realizadas 16 ações de merchandising no mês de março, mantendo o programa dentro do faturamento esperado.

Contato da redação ou setor comercial:

Envie Email para: contato@sessaodenoticias.com.br ou clique aqui.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Click para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As mais lidas