Grupos de Direitos Humanos pedem que a ONU faça uma intervenção humanitária na fronteira entre Colômbia e Venezuela

Segundo o portal G1, Grupos de direitos humanos que atuam na Venezuela e na Colômbia, pediram nesta quarta-feira (31/03/2021), que a ONU nomeie um enviado para ajudar a resolver a crise humanitária iniciada após um confronto entre tropas venezuelanas e grupos armados colombianos.

Cerca de 60 grupos de direitos humanos assinaram a carta, pedindo urgência na ajuda para tentar dar um fim na crise.

O governo de Nicolás Maduro disse que dois soldados foram mortos em confrontos, e que grupos armados haviam colocado minas terrestres na região.

O presidente da Colômbia, Ivan Duque, disse que o governo da Venezuela dá apoio a dissidentes das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) e do Exército de Libertação Nacional (ELN). Maduro nega que dê apoio a esses grupos.

Comments (0)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *