Governos Estaduais debatem o envio de policiais para a segurança do Distrito Federal

Os governadores estaduais fizeram uma reunião de emergência, na noite deste domingo (08/01/2023), para tratar dos ataques golpistas ocorridos no Distrito Federal. Os gestores informaram que estão mandando reforço de contingente policial para atuar na segurança da capital da República. O encontro foi realizado de forma remota. Outra reunião é prevista para ocorrer, nesta segunda-feira (09/01), com o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.

O ministro-chefe da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República, Alexandre Padilha, afirmou que está negociando com os Estados e disse que já havia a confirmação dos gestores do Piauí, da Bahia, de Goiás e de Alagoas. “Esses governadores já colocaram à disposição os membros da Força Nacional de Segurança dos seus estados para se deslocarem a Brasília. O objetivo é apoiar as ações do governo federal na intervenção da segurança do DF”, pontuou.

Elmano de Freitas, governador do Ceará, destacou três pontos tratados na reunião: a união dos Estados na defesa da democracia e no respeito às instituições; a disponibilização das forças de segurança estaduais; e a realização de uma reunião com o presidente Lula nesta 2ª feira. Ele determinou o envio de 70 policiais militares para o DF. “O pedido de apoio foi feito pelo Governo Federal aos estados após manifestação dos governadores.”

Forças
O governador de Alagoas, Paulo Dantas, informou ter garantido 30 homens das forças policiais. “Estamos querendo ampliar para 50 a nossa contribuição para garantir a segurança da capital do país”, afirmou. João Azevêdo, da Paraíba, confirmou o mesmo contingente. “Autorizei agora, a pedido do Governo Federal, o envio de 30 policiais paraibanos para ajudar as forças de segurança nacional a manter a ordem, proteger as instituições e o patrimônio público, bem como combater o vandalismo e o terrorismo no Distrito Federal.”

Por sua vez, a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, disse já ter tomado as providências para que os agentes de segurança estejam prontos a partir desta 2ª feira. “O RN se soma a outros Estados e enviará agentes de segurança para atuar durante a intervenção federal em Brasília”, declarou, por meio das redes sociais.

“O governo do Pará está enviando para Brasília 60 policiais do Comando de Missões Especiais e Batalhão de Choque”, anunciou o governador Helder Barbalho.

Contato da redação ou setor comercial:

Envie Email para: contato@sessaodenoticias.com.br ou clique aqui.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

TikTok (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts