Fluminense goleia o Flamengo, e é bicampeão consecutivo do Campeonato Carioca

Fluminense goleou o Flamengo por 4 a 1 na noite deste domingo (09/04/2023), no Maracanã, e se consagrou bicampeão consecutivo do Campeonato Carioca. Os gols do Tricolor foram marcados por Marcelo, duas vezes Cano e Alexsander. Ayrton Lucas descontou para o Rubro-Negro.

O jogo de ida havia acabado em 2 a 0 para o Flamengo. Com este resultado, o Fluminense virou e conquistou o segundo título sob o comando do técnico Fernando Diniz – o primeiro sendo a Taça Guanabara 2023.

Jogo

O primeiro tempo começou e desde o início parecia só haver uma equipe em campo. O meio-campo do Fluminense impôs sua superioridade e controlou o ritmo do jogo, não dando espaço para o Flamengo.

O ataque rubro-negro tentava subir a marcação, mas não conseguia tomar a posse do time tricolor, que povoava o setor da bola e chegava ao ataque com muitos passes rápidos e curtos, características claras de equipes treinadas por Fernando Diniz – que não estava a beira do campo na partida por ter sido expulso no jogo de ida.

Desta maneira saíram os gols. Aos 26 minutos, Marcelo recebeu próximo à área do Mengão, girou, cortou o marcador e bateu forte, de longe, para abrir o placar. Um golaço do lateral, que jogou com a liberdade de um meio-campista.

Aos 31, outra jogadaça. Keno recebeu, passou para Ganso que, de primeira, deixou Cano na cara do gol. O argentino finalizou com capricho e jogou a bola para o fundo das redes. A vantagem para o Flamengo no jogo de ida acabou em apenas 31 minutos.

Após um primeiro tempo decepcionante, Vítor Pereira fez alterações no Rubro-Negro e tirou o atacante Gabigol no intervalo. O Flamengo pareceu reagir bem às alterações. Aos 2 minutos da segunda etapa, em cobrança de escanteio, Thiago Maia cabeceou e exigiu grande defesa de Fábio.

A reação não durou muito tempo. Aos 5 do segundo tempo, após cruzamento em cobrança de falta pela esquerda, o zagueiro Fabrício Bruno subiu para disputar com Felipe Melo mas acabou desviando a bola com o braço. Pênalti assinalado após checagem no VAR. Cano cobrou, Santos defendeu mas, no rebote, o atacante argentino fez o terceiro, fazendo com que toda a torcida do Fluminense presente no estádio repetisse o famoso gesto do “L” com as mãos.

O atropelo continuava. O Tricolor escapou pela esquerda e Cano virou o jogo, lançando Guga. O lateral-direito bateu forte de fora da área, Santos deu rebote e Alexsander fuzilou o gol, para ampliar o placar. 4 a 0 para o Fluminense, matando as chances do Flamengo na partida. Aos 50, Ayrton Lucas emendou um chute forte e diminuiu o placar, mas não foi suficiente.

Contato da redação ou setor comercial:

Envie E-mail para: contato@sessaodenoticias.com.br ou clique aqui.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

TikTok (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts