Festival Virada Salvador terá esquema especial de transporte; veja detalhes

O Festival Virada Salvador 2023. começa nesta quarta-feira (28) e segue até o domingo (1º) com mais de 100 atrações. Para receber o público, a Prefeitura montou um esquema especial de serviços. Os detalhes foram apresentados pelo prefeito Bruno Reis, ao lado de gestores municipais, nesta segunda (26), durante a entrega de toda a estrutura da Arena Daniela Mercury, na Boca do Rio.

 

“Esse festival não será só de atrações artísticas. Teremos serviços de trânsito, transporte público, saúde, segurança, ordenamento de acesso a evento, social. Ou seja, todas as ações da Prefeitura darão suporte. Estamos preparados para fazer um grande evento de retomada, que volta com força total após dois anos de pandemia”, declarou o prefeito.

 

Com o objetivo de garantir a assistência à saúde durante o festival, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) instalará dois módulos que totalizarão 30 leitos equipados com suporte avançado de vida e com equipes compostas por médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem.

 

Além disso, seis ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ficarão de prontidão para remoção imediata de pacientes em possíveis ocorrências com maior gravidade. Outros 16 postos de urgência e emergência 24 horas do município (entre UPAs e Pronto Atendimentos) e o Samu 192 funcionarão todos os dias, ininterruptamente, servindo de retaguarda para as ocorrências de maior complexidade.

 

A Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) montou uma operação especial de trânsito na região onde o evento será realizado, entre os dias 28 de dezembro a 1º de janeiro. Assim como em anos anteriores, não será realizada interdição do tráfego de veículos na região, e os esforços estarão concentrados na segurança dos pedestres e fluxo de tráfego na Avenida Octávio Mangabeira, tanto sentido Itapuã quanto no sentido Pituba.

 

Para garantir uma melhor fluidez no trânsito e adequada orientação para pedestres e condutores, serão instalados painéis de mensagem, faixas e banners nos dois sentidos da via principal, para orientação do público sobre a travessia de pedestres, embarque e desembarque, pontos de ônibus, táxi e mototáxi, e sobre locais onde é proibido parar e estacionar. Agentes estarão posicionados em locais estratégicos para iniciar o acompanhamento e ordenamento do trânsito na região.

 

Transporte – A Secretaria de Mobilidade (Semob) disponibilizará 120 agentes de transporte, orientando os usuários e monitorando em tempo real todas as linhas por meio do Centro de Controle Operacional (CCO). Ao todo, mais de 400 ônibus darão atendimento ao público do festival: serão 215 ônibus do Sistema Complementar (Stec), os “amarelinhos”, além de 230 ônibus da frota regular, distribuídos em 15 linhas provenientes de diversas regiões da cidade.

 

Além disso, pela primeira vez no festival, três novas linhas expressas serão criadas para atendimento aos usuários que vão aproveitar a festa, saindo do Terminal Acesso Norte, da Estação Pirajá e da Estação Metrô Pituaçu até a Arena Daniela Mercury. Além da frota regular das linhas que darão atendimento à festa, 95 ônibus reguladores serão disponibilizados para dar suporte à operação.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts