Consumidores pagam 61,5% das dívidas negativadas em maio

Seis em cada dez compromissos em aberto da parte dos consumidores foram regularizados em maio: na prática, 61,5% das dívidas já com negativação foram quitadas pelos devedores naquele mês. Os pagamentos aconteceram em até 60 dias após constarem na lista de inadimplência. Os dados são do Indicador de Recuperação de Crédito da Serasa Experian, e mostram ainda um aumento de 11,4% nos pagamentos em comparação com o mesmo período de 2022. Veja no gráfico a seguir a movimentação mensal:

Na análise do economista da Serasa Experian, Luiz Rabi, os programas de renegociação tem ajudado. ” Os programas chegam como uma oportunidade para os brasileiros endividados, viabilizando a quitação de débitos e auxiliando na recuperação da saúde financeira. Mas é fundamental que após essa reestruturação, os consumidores se tornem mais conscientes na hora de adquirir novos compromissos financeiros e priorizem a educação financeira”, diz ele.

Setores

As pendências com “Bancos e Cartões” foram as mais liquidadas (68,8%). Em sequência aparecem “Utilities” (64,3%), ambos priorizados por estarem relacionados a serviços indispensáveis, como acesso ao crédito, e água, luz e gás.

De acordo com a Serasa Experian, essa tendência revela a preocupação do consumidor com os riscos ao patrimônio, já que as despesas mais altas estão associadas a aquisição de bens de maior valor.

O recorte por regiões apontou que o Sul liderou com o maior percentual de dívidas recuperadas em até 60 dias da negativação, com 66,1%. Depois vem o Nordeste (64,1%), Sudeste (60,3%), Centro-Oeste (59,8%) e Norte (53,9%). O Rio Grande do Sul apresentou o melhor desempenho com 71,2% das pendências quitadas.

Contato da redação ou setor comercial:

Envie E-mail para: contato@sessaodenoticias.com.br ou clique aqui.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

TikTok (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaodnoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts