Siga nossas redes

Política

Bolsonaro se pronuncia e, mais uma vez, não critica ataque russo à Ucrânia

Published

on

Jair Bolsonaro (PL), diferente de outras lideranças mundiais, ainda não se posionou em relação ao ataque russo à Ucrânia. Neste sábado (26), em uma de suas redes sociais, ele afirmou que o Brasil defende a soberania e a integridade dos países e, agora, o foco é contribuir para uma “resolução pacífica do conflito” entre os dois paises.

Na madrugada de quinta-feira (24), homens do exército russo invadiram o território ucraniano. O saldo disso foi 198 ucranianos mortos. As autoridades do país dizem, por sua vez, que, na defensiva, cerca de 800 russos perderam a vida, conforme anunciou a vice-ministra da Defesa, Hanna Maliar, na madrugada de sexta (25).

No texto, o presidente não faz uma crítica direta à Rússia e declara apenas que a posição do Brasil é de “defesa da soberania, da autodeterminação e da integridade territorial” dos países.

“A posição do Brasil em defesa da soberania, da auto-determinação e da integridade territorial dos Estados sempre foi clara e está sendo comunicada através dos canais adequados para isso, como o Conselho de Segurança da ONU, e por meio de pronunciamentos oficiais”, escreveu Bolsonaro.

“Volto a afirmar que eu e meu governo estamos focados em garantir a segurança do nosso país, proteger os interesses do nosso povo, auxiliar os cidadãos brasileiros que se encontram nas regiões conflagradas e contribuir para uma resolução pacífica do conflito”, completou o mandatário.

Bolsonaro esteve com Putin, na semana passada, e, na ocasião, prestou solidariedade ao país. Até o momento, ele não condenou a invasão.

Click para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As mais lidas