Bolsonaro recebeu e se apropriou de um terceiro conjunto de joias

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) recebeu um terceiro conjunto de joias e itens preciosos durante a viagem que a comitiva presidencial fez a Doha (Catar) e a Riad (Arábia Saudita), em 2019. As informações são do jornal O Estado de São Paulo, que revelou que o ex-presidente teria levado consigo os presentes após o final de seu mandato em 2022.

Fazem parte do conjunto um relógio de ouro branco da marca Rolex, um anel de ouro branco, uma caneta da Chopard, um par de abotoaduras e uma espécie de rosário islâmico chamado de masbaha, com diamantes cravejados. Juntos, os itens são avaliados em cerca de R$500 mil.

Segundo o jornal, Bolsonaro teria retornado da viagem com o conjunto e ordenou que ele fosse levado a seu acervo privado, o que foi confirmado no dia 8 de novembro de 2019, pelo Gabinete Ajunto de Documentação Histórica da Presidência. Quase três anos depois, em junho do ano passado, o então presidente ordenou que os itens fossem para suas mãos. Desde então, eles estão em sua posse.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts