Siga nossas redes

Política

Jair Bolsonaro defende liberação de autotestes de Covid-19: “o objetivo é que os testes sejam disponibilizados em redes de farmácias/drogarias”

Published

on

O presidente Jair Bolsonaro (PL) falou neste domingo (16/01/2022) sobre o pedido para liberação de autotestes de covid-19 enviado à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) pelo Ministério da Saúde. Segundo o presidente, o pedido integra um “Plano Nacional de Expansão da Testagem”.

“Encaminhado à Anvisa informações do autoteste de antígeno para detecção da covid-19. O uso do autoteste pode garantir o início mais rápido das ações para interromper a cadeia de transmissão”, escreveu nas redes sociais.

Bolsonaro acrescentou que “o objetivo é que os testes sejam disponibilizados em redes de farmácias/drogarias e outros estabelecimentos de saúde para pessoas com ou sem sintomas que tenham interesse em realizar a autotestagem”.

O pedido para liberação de autotestes foi encaminhado à Anvisa na quinta-feira (13/01). Entre as justificativas apresentadas pela pasta estão a possibilidade em fornecer o teste para pessoas que apresentam sintomas da covid, assim como assintomáticos e terceiros que tiveram contato. Além da possibilidade em realização do teste fora e ambientes fechados e em contato com outras pessoas.

O ministério indica ainda que a medida pode diminuir a sobrecarga dos serviços de saúde, por reduzir um atendimento e tornar melhor a assistência para pessoas que testarem positivo para o coronavírus.

Diante do aumento de casos de covid-19 e de outras doenças com sintomas gripais, houve uma explosão de buscas por testes. A procura tem sido tamanha que a Associação Brasileira de Medicina Diagnóstica (Abramed) alertou para o risco de desabastecimento e recomendou prioridade para o usos do exame em pacientes graves.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Click para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As mais lidas