Siga nossas redes

Política

Acordos de delação na Lava Jato aprovados pelo STF arrecadam R$ 1,5 bilhão

Published

on

O montante total pago como multas fixadas em 120 acordos de delação premiada homologados — desde 2015 — pelo Supremo Tribunal Federal (STF) na Lava Jato alcançou cerca de R$ 1,5 bilhão, segundo balanço divulgado nesta segunda-feira (29/11/2021) pelo ministro Edson Fachin, que desde 2017 atua como relator na Corte dos processos da Operação.

Ainda conforme o documento, atualmente, sete denúncias feitas no âmbito da Lava Jato estão em fase de processamento no STF; entre 2016 e 2021, 32 foram ofertadas pela Procuradoria-Geral da República (PGR) à corte a partir de inquéritos da Operação, das quais 21 foram analisadas.

A Segunda Turma do Supremo julgou o mérito de seis das nove ações penais da Lava Jato que tramitam ou tramitaram na Corte, o que resultou em quatro condenações e duas absolvições. As outras três ações foram baixadas e/ou arquivadas. Desde 2017, Fachin determinou a expedição de 221 mandatos de busca e apreensão, proferiu 37 decisões para afastar sigilo, autorizou o monitoramento de 15 terminais telefônicos e decretou 12 prisões preventivas e duas temporárias.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Click para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As mais lidas