Siga nossas redes

Mundo

Forças armadas russas estão próximo de cercar o leste ucraniano

Published

on

A cidade de Sievierodonetsk, única parte da região de Lugansk, em Donbass, sob controle do governo ucraniano, é o centro de fortes combates no leste da Ucrânia. As forças russas tentam cercar a área e separá-la do resto do território controlado pelos ucranianos.

O prefeito de Sievierodonetsk, Oleksandr Stryuk, diz que está resistindo, embora um grupo russo de reconhecimento e sabotagem tenha entrado em um hotel da cidade. Segundo Stryuk, pelo menos 1.500 pessoas foram mortas e cerca de 12 a 13 mil permanecem na cidade, onde ele disse que 60% dos edifícios residenciais foram destruídos. “Os russos estão atacando os bairros residenciais implacavelmente”, afirmou Serhiy Haidai, governador da região de Lugansk, nesta sexta-feira (27/05/2022).

Também em Donbass, Lyman, que fica na região de Donetsk, é alvo de militares russos. Em mensagem compartilhada no Telegram, as forças rebeldes, apoiadas pelas tropas russas, afirmam ter tomado o controle da cidade. Lyman, que tinha uma população pré-guerra de mais de 20 mil habitantes, é um grande centro ferroviário na região de Donetsk, ao norte de Slovyansk e Kramatorsk, cidades que permanecem sob controle ucraniano.

De acordo com o ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmytro Kuleba, o país precisa de mais arma. “Precisamos de armas pesadas. A única posição em que a Rússia é melhor que nós é a quantidade de armas pesadas que eles têm. Sem artilharia, sem múltiplos sistemas de lançamento de foguetes, não seremos capazes de empurrá-los de volta”, afirmou.

Contato da redação ou setor comercial:

Envie Email para: contato@sessaodenoticias.com.br ou clique aqui.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Click para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As mais lidas