Siga nossas redes

Mundo

Após Finlândia, a Suécia decide pedir entrada na Otan

Published

on

A Suécia indicou nesta sexta-feira (13/05/2022) que irá pedir entrada na Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan). Em relatório entregue ao Parlamento, o governo do país concluiu que a adesão à Otan diminuiria a possibilidade de um ataque armado e beneficiaria os países ao redor do mar Báltico.

“Se a Suécia e a Finlândia fossem membros da OTAN, todos os países nórdicos e os países bálticos seriam abrangidos pelas garantias de defesa coletiva. A incerteza atual quanto à forma de ação coletiva que seria tomada se ocorresse uma crise de segurança ou um ataque armado diminuiria”, analisou o relatório, que apesar de não conter nenhuma proposta de adesão, contém a opinião dos ministros participantes do comitê.

O ministro da Defesa, Peter Hultqvist, alertou: “Se a Suécia optar por se tornar membro da Otan, existe o risco de uma reação da Rússia”.

A indicação de querer integrar a aliança acontece um dia após a Finlândia – país do qual a Suécia tem assuntos bilaterais – afirmar que irá pedir pela adesão o mais breve possível. No relatório, os membros da comissão de política de segurança do país.

Contato da redação ou setor comercial:

Envie Email para: contato@sessaodenoticias.com.br ou clique aqui.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Click para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As mais lidas