Hamilton Mourão defende viagem de Bolsonaro à Moscou em meio à tensões entre Rússia e Ucrânia

O vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) defendeu a viagem do presidente Jair Bolsonaro (PR) à Rússia, nesta segunda-feira (14/02/2022). O encontro com o presidente russo Vladimir Putin deve ocorrer na quarta-feira (16/02/2022) em Moscou, no mesmo período em que o país mantém seu Exército cercando a Ucrânia, por conta da possibilidade da nação passar a fazer parte da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), aliança política-militar liderada pelos Estados Unidos.

“Semana passada, o presidente da Argentina esteve lá e zero trauma. Não vejo problema. Essa tensão que tá ocorrendo é fruto da pressão de ambos os lados, a Rússia e a própria Ucrânia que tá imprensada e óbvio, o pessoal da OTAN com os Estados Unidos à frente. Na minha opinião, vai ficar nesse jogo de pressão. Então, a viagem do presidente é um dia só, lá, sem maiores problemas”, disse Mourão, ao destacar ainda que não vê chance da crise evoluir para conflito armado.

O presidente Jair Bolsonaro foi aconselhado por assessores a desmarcar a viagem à Rússia, mas manteve a agenda, mesmo com a tensão diplomática. Entre as questões que devem ser discutidas por Bolsonaro junto a Putin é a importação de fertilizantes para o agronegócio. O presidente brasileiro teme que a crise entre Rússia e Ucrânia crie instabilidade nos preços de insumos rurais. Ele pretende conseguir uma garantia russa de que as próximas safras não serão prejudicadas.

Apesar da confiança brasileira em conseguir acordo com Putin, ao mesmo tempo em que aposta numa solução pacífica para a crise diplomática na Europa, diversos países já recomendaram que seus cidadãos deixem a Ucrânia: Estados Unidos, Alemanha, Reino Unido, Bélgica, Holanda, Canadá, Noruega, Austrália, Japão, Coreia do Sul e Israel. O entendimento que predomina entre governantes estrangeiros é de que a Rússia pode atacar o país vizinho a qualquer momento.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Youtube (Sessão de Notícias)

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Related Posts