Ricardo Salles terá que entregar o passaporte e não poderá deixar o Brasil

Segundo informações do Portal SBT News, dois dias depois de ser exonerado do cargo de ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles não poderá deixar o país. Em decisão nesta sexta-feira (25/06/2021), a ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Cármen Lúcia determinou que o ex-ministro entregue o passaporte à Polícia Federal. A PF já recebeu o pedido.

Salles é investigado na justiça por tentar atrapalhar as investigações de um suposto esquema de exportação ilegal de madeira. No STF, os casos são analisados pelos ministros Alexandre de Moraes e Cármen Lúcia.

Logo após a exoneração, a defesa de Ricardo Salles enviou um comunicado ao Supremo informando a saída de Salles do cargo. Nessa quinta-feira (24/06/2021), o ministro Alexandre de Moraes pediu que a Procuradoria-Geral da República se manifestasse sobre o comunicado do ex-ministro.

Em tese, os inquéritos contra Salles deveriam deixar o STF, já que ele não tem mais foro privilegiado para ser investigado na Corte. A remessa, no entanto, ainda não foi determinada.

Sigam nossas redes sociais:

Facebook (@sessaodenoticias)

Instagram (@sessaodenoticias)

Twitter (@sessaonoticias)

Comments (0)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: